Participação em provas‎ > ‎2011‎ > ‎

2º Etapa do Metropolitano de MTB 2011

Essa deveria ter sido a prova mais fácil do ano mas foi marcada por diversos problemas no trajeto. Um pequeno desvio sem marcação levou uma boa parte dos competidores a se perder e a realizar um caminho errado, oficialmente não se sabe se o desvio foi "sabotado" ou realmente não foi marcado.

Embora estivesse declarado que a altimetria total da prova fosse de cerca de 700m foram computados apenas 563m.

A Equipe Mille apoia (ainda falta aprovação do Presidente e vai depender do que o Pinduca disser para ele) a equipe de organização da prova pois seus membros tem participado regularmente durante mais de um ano e todas as competições sempre foram extremamente organizadas e demarcadas, precisando talvez apenas de mais banheiros.




Abaixo segue o mapa tirado por um membro da equipe que estava com GPS e fez o caminho correto e a altimetria real da prova.
O Tiago é da turma que seguiu reto para a BR-277. O L. Seyffert chegou até o pé do Morro do Demônio e retornou pelo mesmo lugar qe o Tiago, o ciclo do L. Seyffert marcou no fim 40 km, e o do Tiago ~ 48km. Sendo assim, entendo que o Tiago escalou ~ 4 km em direção a BR-277, saindo de uma altitude de ~ 150 m até ~ 750 m (vide "TER" no mapa) da mais pura pedra solta e piso irregular numa trilha remota. Mas ao final, este teve o prazer de encerrar a prova na roda do Piru e do Baron!

2° Etapa do Metropolitano de MTB 2011 - Paraná



Comments